E-commerce

Receita líquida do Mercado livre cresce 28,4% nos três primeiros meses de 2015

chart2

O Mercado Livre, companhia de tecnologia especializada em comércio eletrônico, divulgou seus resultados para o primeiro trimestre de 2015. No período, a empresa obteve U$S 148,1 milhões de receita líquida, montante 28.4% superior aos mesmos meses de 2014.

Entre janeiro e março deste ano, o Mercado livre comercializou 27,5 milhões de itens em seu marketplace, quantidade 26,4% superior ao mesmo período do ano passado. Desse total, 40% dos produtos foram comercializados no Brasil, através do MercadoEnvios. O Brasil também foi o país com o maior crescimento na receita líquida, exibindo alta de 58.4%.

O volume de negócios concretizados pela plataforma foi 8,2% inferior ao mesmo período de 2014, perfazendo US$ 1.649,1 milhão. O MercadoLivre comunicou que o câmbio foi o principal aspecto que impactou nesse quadro.

Concernente ao MercadoPago, plataforma de pagamento do MercadoLivre, entre janeiro e março deste ano, foram realizadas 14.8 milhões de operações, 61,6% a mais que nos mesmos meses de 2014. O volume de pagamentos chegou a U$S 1.037,3 milhões, um crescimento de 102,2% em moedas locais e de 56,2% em dólar. O MercadoLivre também divulgou que a cada 10 vendas realizadas no MercadoLivre Brasil, nove delas são processadas via MercadoPago.

O CFO do MercadoLivre, Pedro Arnt, ressalta que o desempenho da empresa corrobora o potencial do marketplace, além de indicar qual linha de negócios a ser adotada em 2015: “Devemos manter nosso foco na oferta de serviços de pagamento, financeiros e transporte, além da parceria com grandes marcas que oferecem seus produtos em toda a região. Estamos confiantes de que o sucesso na implementação dessa estratégia nos fortalecerá para o futuro”, afirma.

Fonte: ecommercenews.com.br

Curtir:

FacebookmailFacebookmail

Compartilhar:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmailFacebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmail